Food Design: qual a sua opinião?


Food Design: para alguns, pura frescura, para outros, algo tão importante quanto o sabor.

Pertenço ao segundo grupo. (Fresca eu? Você é quem sabe.) O fato é que, ao falarmos de Gastronomia, falamos de percepções, sentidos aguçados. Primeiro, "come-se" com os olhos, depois com o olfato, até que finalmente o seu paladar vai dar o veredicto final. Enfim, "a primeira impressão é a que fica"...

É bom que se diga que exageros existem e que na cozinha eles são im-per-do-á-veis! Algumas finalizações mais se parecem um carro alegórico do carnaval carioca do que com algo comestível. Nos meus tempos de aluna de Gastronomia, convivi com todas as corrente imagináveis do mundinho, e era dificílimo segurar o riso na cozinha.

Tinha a "japonesa": minimalista. Tinha a "francesa": clássica, detalhista. Tinha a "Viúva Porcina": só faltava o pó de ouro no prato para conferir o estilo Joãozinho Trinta. Tinha de tudo, inclusive o "Papiloscopista" (que geralmente apresentava o prato sujo, repleto de impressões digitais).

Particularmente, sinto calafrios só de imaginar aquelas esculturas feitas de frutas, no meio de um buffet. Tem coisa mais Viúva Porcina? Mas há quem goste... E não é só nos pratos que o food design pode ser aplicado. Já ouviu falar em coffee design? Pois é... a hora do cafezinho expresso ganha uma "cara nova" (depois eu posto fotos só sobre coffee design, para quem gosta).

O Food design também tem sido um recurso utilizado por alguns restaurantes para atrair o público infantil. E não só nesses estabelecimentos, como também nos hospitais (se você não sabe, os hospitais mais renomados de São Paulo tratam seus pacientes como "clientes" e fazem da hospitalidade um agregador de valor na prestação de seus serviços médicos). A Gastronomia Hospitalar encontra no food design como forma de incentivar as crianças convalescentes a ingerirem as refeições com prazer durante o processo de recuperação. Mas essa é uma outra história...

E se você não sabe quem foi Viúva Porcina, pergunte à sua mãe. Ela saberá!

Ao lado, um leitinho colocado "aleatoriamente" dá toda a graça ao seu café


















1 comentários:

Ana Paula de Andrade disse...

MEU DEUS!!!!!!

Estamos a todo vapor, titia!
A-do-rei a citação da Viúva Porcina! na minha sala tem vááááááááááááárias!
beijo!

Blog Widget by LinkWithin