Inauguração do Centro de Pesquisas Gastronômicas da Universidade Anhembi Morumbi

Um arraso! É assim que descrevo a festa de inauguração do Centro de Pesquisas Gastronômicas da querida Universidade Anhembi Morumbi, em parceria com a Nestlé.


Iniciativa brilhante e pioneira (é bom que se diga), o Centro vai ser uma referência acadêmica nas pesquisas sobre alimentação. Além de um laboratório super equipado, o Centro de Pesquisas Gastronômicas ainda conta com cozinhas experimentais (não menos equipadas) feitas especialmente para a prática de receitas pesquisadas por alunos e docentes integrantes do Centro, coordenado pelo Profº Dr. em História da Alimentação Ricardo de Albuquerque Maranhão (ou simplesmente Profº Maranhão, como é conhecido por todos).



Ontem, no evento, encontrei várias pessoas interessantes, queridas, amigos que não via há um certo tempo, amigos que vejo sempre e toda a panelinha efervescente da cena gastronômica paulistana (inclusive, presenciei alguns ataques de estrelismos de alguns "chefs de merda", com o perdão do termo mas é a verdade!).


Rosa Novaes lindíssima, com a simpatia contagiante de sempre, circulava por entre os convidados. O professor de Administração voltada à Gastronomia, Mário Oliveira (com aqueles olhos azuis de Paul Newman) não passava despercebido com aquele sorriso lindo. Chef Maurício Lopes (que leciona Cozinha Brasileira, Habilidades Básicas, Cozinha Clássica Francesa e tudo mais o que você precisa saber sobre Gastronomia) estava à paisana, muito discreto mas não menos charmoso (aquele ar austero dele é tu-do!). Chef Graziela Milanese era só sorrisos. Vivian Feldmann (uma das Chefs Patissiers da Universidade) também. Enfim, os sorrisos, os olhos brilhantes de cada um dos presentes contagiou a todos.


Alex Atala cercado pela legião de tietes estudantes de Gastronomia e gourmets presentes, alguns recém-formados aspirantes a estrelas (e presentes em editoriais da imprensa especializada), críticos gastronômicos...


E num cantinho, eis que encontro o discreto Chef Supremo Laurent Suaudeau, que era cumprimentado por alguns poucos reais gourmands e professores da instituição. Laurent sempre simpático, sempre cavalheiro. As crianças, lógico, nem imaginavam quem era aquele cara baixinho, de cabelos grisalhos.


A queridíssima Ana Paula Goulart de Andrade (sempre ela!) se debulhava em lágrimas e os meus olhos cor-de-mel brilhavam, reluziam, tamanha minha admiração por ele. A emoção é sempre grande quando o encontramos (é coisa de tiete mesmo, assumo!), afinal, ele é "O" cara!

Fotinhos? Várias, lógico! Depois passe também no blog da Ana (http://www.mamaequeroserchef.blogspot.com/) para conferir algumas.



Ao lado, Ana Paula Goulart de Andrade e meu querido xará Josimar Melo, crítico de gastronomia da Folha e do UOL (ao fundo, Profº Mário Oliveira e o coordenador do Centro de Pesquisas, Profº Ricardo Maranhão, provando alguns quitutes).

1 comentários:

Ana Paula Goullart de Andrade disse...

josyyyyyyynha (como diria nossa amiga dudu), meu bem!
mande-me as fotinhos para que possa postá-las! por favor!
beijo!

Blog Widget by LinkWithin